Lisboa - Viajar Cá Dentro

Viajar em Portugal é uma experiência fácil e interessante. Existem numerosas possibilidades desde aviões e comboios a autocarros, agências de aluguer de automóveis, eléctricostáxis, o metro e os elevadores de Lisboa (Glória e Bica). O sistema de transportes públicos de Lisboa ainda continua a ser a alternativa mais barata.
Voar dentro de Portugal é uma opção dispendiosa, se se considerarem as curtas distâncias envolvidas. Os comboios são muito mais baratos, mas também pode optar por se deslocar de autocarro. Existem muitas empresas de autocarros privadas que estabelecem as ligações entre as principais cidades, fornecendo ligações expresso.

- Comboios: a CP (empresa de comboios) conta com uma rede nacional de linhas que cobre praticamente todas as zonas de Portugal. As cinco linhas principais levam-no a Sintra, Azambuja, Cascais, Sado e Porto/Aveiro. Os bilhetes podem ser comprados nas bilheteiras das respectivas estações e em máquinas de venda automática. É muito importante que não tente viajar sem bilhete ou arrisca-se a pagar uma elevada multa. A estação de Santa Apolónia é o ponto principal de partida de Lisboa para outros destinos internacionais e para o norte de Portugal. Os comboios que saem da estação do Rossio vão até Sintra, ao passo que os de Cascais e Estoril partem do Cais do Sodré.
O acesso à pitoresca Costa Azul é feito a partir da estação de comboios do Barreiro, que fica do outro lado do rio Tejo. Isto significa que para lá chegar precisa de apanhar o barco para a outra margem primeiro.
A Fertagus, uma empresa privada de caminhos de ferro, estabelece a ligação entre as duas margens do rio Tejo, fazendo a travessia através da Ponte 25 de Abril.

- Eléctricos e autocarros: a Carris (empresa responsável pelos eléctricos e autocarros em Lisboa) conta, para além do serviço de transporte normal, com serviços especiais para turistas e visitantes com deficiências motoras (21 758 56 76 ou 21 361 31 61). Sai sempre mais barato se adquirir os bilhetes antes. Os circuitos turísticos levam os turistas a passear por Lisboa em autocarros descapotáveis ou em eléctricos do século XIX. Existem três percursos: o Carris Tour, que percorre a baixa lisboeta e a zona histórica de Belém; o Circuito das Colinas, uma viagem pela zona histórica da cidade; e o AeroBus, que faz a ligação directa entre o aeoporto, o centro da cidade e a linha de comboios de Cascais. Também a não perder é a experiência de andar nos elevadores da Bica e da Glória. Viaje nestes invulgares elevadores e vá até aos bairros mais típicos de Lisboa.

- Metro: o Metro de Lisboa opera entre as 06h30 e a 01h00, sendo os bilhetes no valor de 0,60 Euros válidos para apenas uma viagem. Como alternativa, pode optar por um bilhete de 7 dias ou por outro de 10 viagens.
Andar de Metro em hora de ponta é quase impossível, a menos que goste de viajar como uma sardinha enlatada. Aproveite as horas mais calmas e dê-se a oportunidade de apreciar a Art-deco, os impressionantes painéis de azulejos, esculturas e pinturas que encontra em muitas das estações.

Este é o nosso meio de transporte preferido em Lisboa. É barato, fresco e rápido... mas atenção à carteira!
- Barcos: a Transtejo é a empresa responsável pela travessia fluvial do rio Tejo. Todos os dias, pessoas do outro lado do rio, têm que o atravessar para chegar aos seus postos de trabalho em Lisboa ou nas redondezas.Esta empresa também fornece Cruzeiros no Rio, um serviço turístico que lhe permite apreciar Lisboa a partir do rio. Este é um dos nossos percursos favoritos, especialmente ao fim do dia, quando o pôr-do-sol dá a esta travessia um cunho tão romântico.

- Táxis: os táxis em Lisboa são beges e têm geralmente a palavra TÁXI no topo. A viagem começa com um valor base de, aproximadamente, 2 Euros e a partir daí o valor é calculado por um taxímetro. Certifique--se que não se esquece de nada, uma vez que é praticamente impossível encontrar o mesmo táxi segunda vez e, mesmo que o encontre, dificilmente reaverá as suas coisas.

- Aluguer de automóveis: alugar um automóvel e passear à sua vontade é, definitivamente, a opção mais económica se estiver com mais de duas pessoas. Mas, mesmo se estiver sozinho e pretender visitar as áreas vizinhas a Lisboa com total independência, esta será igualmente a melhor escolha. Recomendamos-lhe a Discount Rent a Car.

Faixa publicitária

autos en

Please update your Flash Player to view content.


Utilizamos cookies para fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a nossa utilização de cookies.